Semanada >   H. Jackson Brown, Jr.
When you lose, don't lose the lesson

sexta-feira, abril 03, 2009

Consultar os astros em russo


Há muitos políticos que em segredo consultam regularmente especialistas em astrologia. Uns, por razões que só Deus conhece – tanto mais que o "Futuro a Deus pertence" – orientados pelos presságios dos especialistas, conseguem ter visibilidade durável e influenciar as decisões que tratam da nossa vidinha; outros, menos protegidos pelos deuses, mas seguindo também as previsões da astrologia, sem justificação plausível – excepto a estupidez – escorregam para buracos pantanosos, situações que, amiúde, lhes rebentam com a carreira. Outros ainda, esforçando as suas inconcebíveis interpretações pessoais sobre as premonições dos peritos em sinais dos astros, chegam a Ceo's de empresas de construção – desejo, aliás, que é a ambição mais amiudada no universo da política, para fim de carreira – isso, e ter um amigo empreiteiro como compagnon de route, precisamente para conferir credibilidade ao político.
Porém, os resultados das consultas astrológicas não devem, por norma, ser encarados pelo prisma da infalibilidade, mas antes como dicas orientadoras. Tome-se como exemplo o astrólogo russo, Pavel Globa, que em 2008 vaticinou que Hillary Clinton iria ganhar as eleições presidenciais e que seu mandato marcaria o fim dos Estados Unidos como potência mundial, sendo que, como todos confirmam, o prenúncio não bateu certo. O mesmo astrólogo, que continua, pelos vistos, a ser notícia, declara agora que “Barack Obama encontrará o mesmo destino que John F. Kennedy em dois anos” e adita prevendo que “quase todos os países estarão governados por mulheres em 2020”. Enfim…

botlinkPavel Globa > Notícia no Pravda


Etiquetas:

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home



footer-letra