Semanada >   H. Jackson Brown, Jr.
When you lose, don't lose the lesson

sexta-feira, fevereiro 16, 2007

Zarpar…




… a mil à hora. Não nada mais saudável, caro amigo, do que fazer uma mala com uma roupita e zarpar. Quando se dispara a mil à hora em direcção a Madrid, perde-se gradualmente a noção da terrinha que deixamos para trás e enche-nos um contentamento logo que atravessamos a fronteira. Sabemos bem a imundície que desamparamos. Longe daqui, não devia haver espanto com o que por cá acontece, neste torniquete que nos asfixia, para mostrar serviço com uma seriedade sem consistência. Não se devia estranhar o flagelo da falta de vergonha na cara e da manha saloia que nos assolam, coisas que nos envergonham por sermos portugueses sem recuperação à vista. As aberrações crescem debaixo das pedras.
Em Madrid, a poucas centenas de quilómetros deste calvário do metro quadrado, enquanto turista, no mínimo areja-se a cabeça, comem-se umas gambas á la guillo, bebem-se umas cervejolas, dão-se umas gargalhadas, visitam-se bons museus e, na Arco, na Feria Internacional de Arte Contemporânea, limpa-se a vista com o exposto e com as pessoas curiosas que por esses sítios recomendáveis normalmente se passeiam, nos antípodas das gentes cada vez mais tristonhas, quebradas e sem futuro, que nos rodeiam aqui.
Falam-nos de Madrid, de Viena, de Estrasburgo, de Luxemburgo, de Lugano, de Toronto… Nós, por cá, agradecemos esses motivos simpáticos para imaginar o que será o mundo fora desta circunscrição pouco aconselhável e muito mal frequentada.

Arco, pois… quem me dera.
--

Interessante: reparo que este foi o post 333


Etiquetas: ,

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home



footer-letra