Semanada >   H. Jackson Brown, Jr.
When you lose, don't lose the lesson

domingo, novembro 11, 2007

A cave da vivenda...


No fundo, no fundo, a coisa tem muito a ver com a notícia (falsa, claro), do dossier que Sócrates mandou organizar sobre Santana Lopes.
Paulo Portas mandou copiar mais de 60 mil páginas de documentos antes de abandonar o cargo de ministro da Defesa Nacional, em Fevereiro de 2005.
A notícia, avançada na edição de hoje do semanário “Expresso”, revela que algumas das folhas copiadas estavam classificadas como “Confidencial” ou tinham referências a “Iraque”, “NATO” ou “submarinos”.
O jornal teve acesso a estas informações, durante a consulta às páginas do Processo Portucale, onde algumas testemunhas indicam que Portas pediu para digitalizar quase 62 mil páginas.
Ao “Expresso”, o agora deputado Paulo Portas garantiu que apenas digitalizou despachos e notas que escreveu enquanto esteve no CDS e no Ministério da Defesa e que o elevado volume de fotocópias deve-se ao facto de escrever quase tudo o que diz.
Paulo Portas mandou copiar mais de 60 mil páginas de documentos antes de abandonar o cargo de ministro da Defesa Nacional, em Fevereiro de 2005.
A notícia, avançada na edição de hoje do semanário “Expresso”, revela que algumas das folhas copiadas estavam classificadas como “Confidencial” ou tinham referências a “Iraque”, “NATO” ou “submarinos”.
O jornal teve acesso a estas informações, durante a consulta às páginas do Processo Portucale, onde algumas testemunhas indicam que Portas pediu para digitalizar quase 62 mil páginas.
Ao “Expresso”, o agora deputado Paulo Portas garantiu que apenas digitalizou despachos e notas que escreveu enquanto esteve no CDS e no Ministério da Defesa e que o elevado volume de fotocópias deve-se ao facto de escrever quase tudo o que diz.
Que é como quem diz... "também nós temos...!

arrow-linkBlog PS Lumiar
arrow-linkRR Notícias

filete-title

Etiquetas:

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home



footer-letra